Seguidores

Quem sou?

Aqui neste mundo virtual

Eu não estou preocupada com quem sou

Porque aqui eu sou o que escrevo

Aqui eu sou o que penso

Aqui eu sou o que sou

Eu sou somente um sentimento

Enide

21 de abr de 2014

Sol do amanhã

1779160_584251158333008_20715154_n

O sol do amanhã

Antecipadamente brilha

Ressaltando que o ontem o criou

Derramando laços, no hoje que não findou.

 

Do céu de ontem

Hoje apenas resta a tinta seca

Da qual a lembrança do olhar

Nunca, nunca deixara o tempo levar.

 

Enquanto que o dia de hoje

Pleno se mantém

Arrastando nos braços

A certeza do dia que vem.

 

Enide Santos 12/04/14

17 de abr de 2014

Eu e o que sinto

10174783_731674970231362_4623721234639504392_n

Não tenho mais nada de meu

Só eu e o que sinto por ti.

Coisas que julgava serem minhas

nunca foram, nunca me pertenceram.

Olho para o mundo,

tudo que tenho,

é tudo que sou,

eu e o que sinto.

Nada mais restou.

 

Temos dores absolutamente infinitas

Saudades e o peso da rejeição.

E acabamos que nós entendemos.

Eu com minha saudade,

e o que sinto, com sua rejeição.

Dividimos o eco das lembranças,

cumpliciamos com nobreza e pujanças.

E nas caladas das noites

meramente nós emendamos.

 

Este meu sentir,

Hoje é tudo para mim.

É com quem falo,

com quem ando.

Com quem almoço,

com quem janto.

Dormimos e acordamos

E não nunca nós bastamos.

 

Enide Santos 18/04/14

13 de abr de 2014

Alma Alforriada

1939611_291305854359913_808013562_n

Da vida que não mais presa está

flui a certeza, que ao cativeiro

não, não aceitará retornar.

 

É o sopro que move os mundos

de movimentos serenos e profundos,

regi a vida do antigo moribundo.

 

Com o bater manso das asas

o desejo do coração

é a arma empunhada.

 

Voeje alma alforriada,

usufrua do prazer

de o seu sonho conhecer.

 

Enide Santos 10/04/14

1 de abr de 2014

Danada

1690633_434338950003098_89453903_n

Agora ela se deita aqui do meu lado.

Toda empinadinha

Cheia de fascínio e de domínio.

 

Vem toda perfumada

Trás consigo o calor,

de momentos inesquecíveis.

 

Ah! Dá água na boca,

 

esta saudade danada.

 

Enide Santos 01/04/14

Ás vezes a saudade brinca comigo

1795604_430758193694507_1280554885_n

Ás vezes a saudade brinca comigo.

Creio que é para ajudar-me a suporta-la.

Sei, ela precisa mesmo de mim.

 

Necessita progredir...

Carece de ser marcante e absoluta.

Quer ser a melhor saudade de todas as saudades.

 

Ah! E eu fico aqui, entregue aos seus caprichos,

Apenas soltando alguns gemidos perdidos entre densos suspiros.

Ao mesmo tempo em que algumas lágrimas,

brincam de banharem um sorrisos que escapuliu.

 

Ai então eu me grito e me grito.

 

Enide Santos 01/04/14