Seguidores

Quem sou?

Aqui neste mundo virtual

Eu não estou preocupada com quem sou

Porque aqui eu sou o que escrevo

Aqui eu sou o que penso

Aqui eu sou o que sou

Eu sou somente um sentimento

Enide

17 de jan de 2015

Ser ou não ter, será uma questão?

10923608_414543455386751_4362337803274637135_n

Ao me permitir mergulhar na vida, descobri que sonhos não se importam em ser realizados, que eles gostam mesmo é de ser formados. E isso nos pede forças incomuns, a duração do sonho, a formação do sonho a produção do sonho é a chance que temos e que não podemos abrir mão, não devemos abrir mão de conhecer a sensação de vitória diante de um obstáculo ou mesmo a sensação de vitória quando nos mantemos de pé diante de uma derrota.

Manter-se de pé também é vitória porque podemos prosseguir, porque mantemos a chance de descobrirmos que podemos nos melhorar ou contribuir para melhora de alguém.

Quando me permiti mergulhar na vida descobri a verdadeira cor das coisas que estão ao meu redor, estas cores têm sons que só podem ser ouvidos de olhos fechados. E por pensar desta forma e delas falar, as pessoas que sempre me conheceram hoje em dia já não veem mais atrativos em conversar, ou em estar comigo, parece que não falamos mais a mesma linguagem. Eu sinto que em alguns aspectos evolui, sinto-me bem com as coisas que aprendi e que venho aprendendo a cada dia.

Mas também não estou preparada para conversas de alto grau, nem estou lá nem estou aqui, não desmerecendo as pessoas que antes me davam atenção é que elas não estão muito dispostas a falar de filosofia: ler, poesia: escrever e etc...

Porém sinto falta do afeto que antes tinha da atenção que minha presença despertava.

Fico meio deslocada ás vezes, como se estivesse perdida entre o bem e o mal, sem conseguir agradar nem o direito e nem o esquerdo.

Vendo-me nesta linha tênue faço algo que aprendi comigo mesma, saborear todo e qualquer momento seja ele bom ou ruim e seguir em frente certa de jamais me desviarei de meu propósito de vida. FORTALECER O MEU EMPENHO DE SER UM SER MELHOR.

Enide Santos. 17/01/15