Seguidores

Quem sou?

Aqui neste mundo virtual

Eu não estou preocupada com quem sou

Porque aqui eu sou o que escrevo

Aqui eu sou o que penso

Aqui eu sou o que sou

Eu sou somente um sentimento

Enide

19 de set de 2013

Em mim, só em mim

557183_382277025209291_207409663_n

Sinto-me frágil, muito frágil

e me envolvo

em mim mesmo

para não sentir a imensidão

à minha volta

levando os meus dias

 

Abafo-me

Para não ouvir o eco

que ressoa de meus pensamentos

e quanto mais sinto as lágrimas,

mais tenho pena de mim.

 

Os anos se passaram

muito de mim levaram

Mas meus pensamentos

estes só aumentam

 

É como uma obrigação

que diariamente tenho

Agora tenho mais...

Tenho mais tempo para pensar

pensar em mim

Só em mim

o que foi ou o que será.

 

Enide Santos 13/09/13

Um comentário:

  1. ENIDE,

    sou seu mais novo seguidor.

    E já lhe confessando uma das minhas mais explicitas incapacidades : A de versejar!

    Fazer poesia para mim sempre foi um túnel sem luz no final.

    Aquela que ficou melhor de todas as que fiz, ficou simplesmente imprestável, então desisti.

    Diferentemente, você navega nestes mares poéticos com a simplicidade de quem está apenas respirando, nem sente, sequer percebe...

    E este seu poema é a prova que, fluiu de você qual nascente de rio e aos pouco avolumou-se,tornou-se caudaloso para desaguar generoso, no nosso mar de percepções, ávido também por compartilhar, das suas emoções.

    Pensar em nós mesmos é o código que, por incrível que pareça,diferentemente de qualquer aparência egocêntrica será na verdade,aquilo que, sempre facilitará , fazermos o outro mais feliz.

    Pois é nos gostando que, amamos o nosso próximo sem amarras ,livres, compartilhando então, nossa alegria interior.

    Tenho alguns blogues, nem parece com o seu,em emoções e sutilezas das percepções afetivas, mas como são os meus , eu gosto deles e, espero que você também.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir

Incentive o meu pensar e me deixe seu comentário.